Publicidade Oficial

Publicidade Oficial

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

O QUE A GLOBO NÃO MOSTRA: SENSUS VOTOS VÁLIDOS: AÉCIO TEM 54,6%; DILMA, 45,4%

A Pesquisa IstoÉ Sensus divulgada hoje mostra o candidato do PSDB à Presidência, Aécio Neves, nove pontos à frente da adversária Dilma Rousseff (PT). O tucano aparece com 54,6% das intenções de votos válidos, contra 45,4% de Dilma. A pesquisa também mostra que, a dois dias da eleição, 11,9% do eleitorado ainda não sabe em quem votar. Se for considerado o número total de votos, a pesquisa indica que Aécio tem 48,1% e Dilma, 40%.

O instituto Sensus mediu também a rejeição dos candidatos e aponta que 44,2% dos eleitores afirmaram que não votariam de forma alguma em Dilma, enquanto 33,7% disseram o mesmo de Aécio. O Sensus entrevistou 2 mil eleitores de 136 municípios em 24 Estados entre os dias 21 e 24 de outubro. A pesquisa tem margem de erro de 2,2 pontos porcentuais, para mais ou para menos, e nível de confiança de 95%. O levantamento está registrado no Tribunal Superior Eleitoral sob o protocolo BR-01166/2014.


ARARIPINA INVESTE NO ESPORTE E EDUCAÇÃO COM O PROGRAMA ATLETA NAS ESCOLAS

Cerca de 52 escolas da rede municipal de ensino de Araripina participaram durante esta semana da realização da 1ª Etapa Esportiva Escolar. As provas fazem parte do programa "Atleta na Escola", que disponibiliza várias modalidades para serem executadas ao exemplo de salto a distancia, corrida de resistência, velocidade, entre outras.

O programa é uma proposta da Prefeitura de Araripina, Secretaria de Educação do município através do Governo Federal. Uma parceria que tem o objetivo a democratização do acesso ao esporte, o incentivo da prática esportiva na escola e a identificação e orientação dos talentos escolares.

ASCOM - ARARIPINA

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

PUBLICIDADE


ADVOGADA É PRESA EM FLAGRANTE AO "LEVAR" DROGAS PARA CLIENTES NA PRISÃO

A advogada Rosileine Ramires Machado foi presa em flagrante por tráfico de drogas na tarde de ontem em Dourados, cidade a 233 km de Campo Grande. Ela é acusada de levar maconha e cocaína para dois clientes que cumprem pena na Phac (Penitenciária de Segurança Máxima Harry Amorim Costa).
De acordo com o flagrante feito pela delegada Magali Pascoal Cordeiro, no 1º Distrito Policial, Rosileine foi ao presídio para conversar com Valdeir de Souza, 32 anos, condenado por latrocínio (roubo seguido de morte) e com Renato Ferreira Vieira, 31, preso por homicídio.
Os internos teriam sido revistados antes de entrarem na sala para conversar com a advogada, um procedimento corriqueiro, segundo a direção da Phac. Quando saíram da sala foram novamente revistados e os agentes teriam encontrado 60 gramas de maconha e 50 gramas de cocaína com Valdeir de Souza.
A advogada e os dois internos foram levados à delegacia e autuados em flagrante. Os clientes de Rosileine negaram que ela tenha levado a droga, mas os agentes reforçam que eles não estavam com o entorpecente antes de entrarem na sala com a advogada. Valdeir e Renato voltaram para a penitenciária e advogada foi levada para o presídio semiaberto feminino de Dourados. Ela afirmou que está sendo vítima de uma armação.
Danielli Xavier Freitas
Advogada
OAB/MS 17.159-B. Membro da Comissão dos Advogados Trabalhistas da OAB/MS. Membro da Comissão de Advogados Criminalistas da OAB/MS. Membro da Comissão de Assuntos Tributários da OAB/MS 

ESTIAGEM X HORÁRIO DE VERÃO: SOLUÇÕES PARA O CONSUMO RACIONAL DE ÁGUA


O horário de verão foi criado pelo Governo há alguns anos para diminuir o consumo de energia elétrica no País devido ao maior período do dia sob exposição do sol e à tendência das pessoas utilizarem mais ventiladores e ar-condicionado, o que aumenta o consumo de energia. Porém, a estiagem que atinge diversas regiões do Brasil fará com que a economia de energia, desta vez, seja menor do que ano passado. Isso deve acontecer porque com os reservatórios das hidrelétricas em baixa, foram acionadas mais usinas termelétricas, fonte de energia mais cara e poluente. No ano passado o Governo calculou uma economia de R$405 milhões e a expectativa para este ano é de R$278 milhões.

AINDA HÁ TEMPO?


Desta vez, o período do horário de verão terá sete dias a mais do que ano passado, começando a partir de sábado, 19 de outubro, e indo até 22 de fevereiro de 2015, após o Carnaval. As hidrelétricas operam em ritmo menor devido à estiagem e por isso as termelétricas passaram a funcionar. Já enfrentamos falta de água em diversas regiões do País e não podemos mais esperar que os governantes tomem iniciativas para acabar com o problema. Devemos começar por nós mesmos, com atitudes em casa e no trabalho que visem à redução no consumo de água.

PUBLICIDADE


CRIMINOSOS BONS DE VOTOS

01. De acordo com nosso correspondente no longínquo Brazilquistão, 40% dos três deputados federais mais votados e dos senadores eleitos em 2014 (40 em um grupo de 108) são réus ou estão sendo investigados pela polícia ou Justiça brasileira (Globo 12/10/14: 3). A folha de antecedentes completa (e, desgraçadamente, repleta de ocorrências) de todos os parlamentares eleitos deve sair em breve. Pela pequena amostragem já se pode imaginar a baixa reputação moral do novo Congresso (com as ressalvas de costume). Muitos novatos já estão chegando com a FA cheia, o que confirma que é por meio das democráticas eleições que se busca a suposta (mas quase certa) impunidade. Os crimes ou infrações cometidos por eles vão de desvio de recursos públicos e improbidade administrativa a crimes de tortura e violação da Lei Seca, passando pelo peculato, lei das licitações, porte ilegal de armas, homicídio, uso indevido de funcionários, apropriação irregular de terras, “farra na publicidade”, crime ambiental, desmatamento ilegal, falsidade ideológica, crime de responsabilidade, lavagem de dinheiro, Lei da Ficha Limpa, promoção pessoal em jornal púbico, compra de votos, doação irregular de terreno público etc. Transitam pelas leis penais com a mesma desenvoltura com que Einstein cuidava da relatividade.
02. Ninguém sabe se dessa radiografia da política e dos políticos brazilquistaneses (assim como dos seus comparsas doleiros, banqueiros, marqueteiros, empreiteiros, empresários etc.) sairão alguns frutos, como a louvável emenda e correção, ao menos das mais horrendas anomalias da capenga e sempre desvirtuada vida democrática deste País de potencialidade incrível, mas desperdiçada a cada governo, pouco importando seu matiz ideológico (esquerda, centro ou direita), em virtude da má governança assim como da precaríssima qualidade das lideranças que têm em suas mãos os destinos da nação. Nosso correspondente tem dito que, pelos exemplos de jactanciosa temeridade (Lisboa), não ousa criar nenhuma expectativa robusta e consistente, sobretudo nesses tempos líquidos (Bauman) de dúvidas e incertezas atrozes sobre a democracia, a economia, a Justiça e o futuro da nação. Seu consolo, ultimamente, tem sido o de que suas páginas, no mínimo, possam servir de registro e memória dos sombrios tempos presentes, que não constituem nenhuma novidade, no entanto, quando olhamos a história obscurecida pela ganância e pelo parasitismo, os costumes frouxos e as tradições corruptivas dessa Ilha de beleza exuberante e riqueza inigualável, mas perdida nos seus próprios meandros cada vez mais apocalípticos.
03. A descrença do nosso correspondente não está lastreada em pueril leviandade, sim, em levantamentos precedentes, como o realizado pela ONG Transparência Brasil, divulgado pela maior revista da Ilha (em setembro de 2013), que apontou o seguinte: dos 594 parlamentares em exercício, 190 entre deputados e senadores já tinham sido condenados pela Justiça ou tribunais de conta. As sentenças e as decisões dos tribunais decorreram de irregularidades em convênios, contratos e licitações, atingindo 66 parlamentares (11% do Congresso). Em segundo lugar aparecem as condenações da Justiça Eleitoral por irregularidades em contas de campanha, com 57 deputados e senadores encrencados (9,6% do Congresso). Em terceiro estão os atos de improbidade administrativa (como enriquecimento ilícito e dano ao erário), que levaram à condenação 41 congressistas (6,9% do Congresso). Dentre esses parlamentares, 14 foram condenados à pena de prisão. Um deles, um senador de Rondônia, foi condenado por unanimidade pelo Supremo Tribunal Federal (STF) a quatro anos, oito meses e 26 dias de prisão, em regime semiaberto, por fraude em licitações. Na Câmara, 13 deputados federais receberam penas de reclusão, em alguns casos convertida em prestação de serviços e pagamento de multas.
04. Diante dos macabros antecedentes, era de se imaginar que das urnas saísse um novo Congresso Nacional, rejuvenecido e preparado para os hercúleos desafios que o mundo moderno impõe às sociedades complexas. Nada disso. De decepção em decepção o Brazilquistão vai flertando com o pantanoso mundo da ingovernabilidade absoluta (sendo disso conivente, muitas vezes, boa parcela da própria população, que não se constrange em reeleger nem sequer quem já foi publicamente reconhecido como ladrão do dinheiro público).
Luiz Flávio Gomes
Professor
Jurista e professor. Fundador da Rede de Ensino LFG. Diretor-presidente do Instituto Avante Brasil. Foi Promotor de Justiça (1980 a 1983), Juiz de Direito (1983 a 1998) e Advogado (1999 a 2001). [ assessoria de comunicação e imprensa +55 11 991697674 [agenda de palestras e entrevistas] ]

VEREADORES DECLARAM APOIO A REELEIÇÃO DO VEREADOR LUCIANO CAPITÃO

Os vereadores da oposição Luis Henrique, Evilásio, Camila, Genival e Aurismar declararam apoio a reeleição do vereador Luciano Capitão a presidência da câmara municipal de Araripina, junto com os vereadores da situação Doval da Sáude, Humberto Filho e Adeval Régis da bancada da situação.

A chapa ficou assim Humberto Filho vice presidente, Camila Modesto primeira secretaria e Adeval Regis segundo secretário para o biênio 2015/16 dessa gestão.

Dante Arruda

PREFEITURA DE BODOCÓ DAR CALOTE EM MÚSICOS DE ARARIPINA


RESOLUÇÃO PERMITE O USO DE CANABIDIOL

O Conselho Regional de Medicina de São Paulo saiu à frente e editou a Resolução nº 268/2014, que autoriza a prescrição da substância canabidiol, um dos 80 princípios ativos da maconha, apenas para pacientes latentes e da infância que apresentem casos graves de epilepsias refratárias aos tratamentos convencionais. Isto porque os ensaios clínicos realizados até o presente demonstraram que o CBD reduz as crises convulsivas com razoável margem de segurança e boa tolerabilidade.


De acordo com as normas brasileiras, todo medicamento sujeito a controle especial, sem registro no país, necessita da avaliação da ANVISA, órgão responsável pela aprovação da importação. Até há pouco imperava o inconveniente de se perquirir judicialmente a autorização mas, em razão de reiterados pedidos, a pretensão pode ser atendida administrativamente, observando a obrigatoriedade dos seguintes documentos: prescrição médica, com a posologia, quantitativo necessário e tempo de tratamento; laudo médico, contendo a justificativa do uso do medicamento não registrado no Brasil; Termo de Consentimento Livre e Esclarecido assinado pelo médico, paciente ou responsável legal, com específica ciência de que a medicação ainda não foi submetida ao controle de eficácia e segurança pela agência brasileira.

PELA SEXTA VEZ, MEGA-SENA ACUMULA E PODE PAGAR R$ 60 MILHÕES NO SÁBADO (25)

Acumulado pela sexta vez consecutiva, o prêmio, a ser sorteado no próximo sábado (25), será de R$ 60 milhões. 
Os últimos números sorteados foram: 19 - 23 - 34 - 40 - 41 - 58.

Ao todo, 126 apostadores acertaram a quina e ganharam R$ 39.714,43 cada um. Outras 10.700 pessoas acertaram os números da quadra e levaram R$ 668,09.

O concurso 1.640, realizado no dia 1º de outubro, foi o último a dar o prêmio máximo. Dois apostadores --um de São Paulo (SP) e outro de Barra do Piraí (RJ)-- acertaram as seis dezenas da Mega-Sena e levaram o prêmio de R$ 15.134.013,55, cada. 


A aposta mínima custa R$ 2,50 e pode ser feita até às 19h do dia do sorteio em qualquer casa lotérica do país.

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

DIA DO SERVIDOR PÚBLICO TERÁ FERIADO ANTECIPADO

O feriado do Dia do Servidor Público, cuja data é 28 de outubro, será antecipado para a segunda-feira (27), de acordo com a Portaria nº 105/2013, do procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho em Pernambuco (MPT-PE). As unidades do órgão no estado, localizadas no Recife, Caruaru e Petrolina, estão fechadas na segunda. Na terça-feira (28), funcionarão normalmente, sendo o expediente normal.